14 de abr de 2016

Por que eu parei de tomar anticoncepcional?

Esses dias li o post da Gabriela, sobre ter parado de tomar anticoncepcional, e resolvi vir aqui dar o meu relato também.


Há cerca de um ano atrás eu finalmente resolvi parar de me encher de hormônios!

Eu ficava incomodada pelo fato de que quando menstruamos, temos que ir ao ginecologista e já começar a tomar esse remedinho todo santo dia. Comigo não foi diferente, tirando o fato que comecei a tomar um pouquinho mais velha, lá pelos 17 anos. O fato é que eu ainda não tinha maturidade para me questionar em relação a isso, e eu simplesmente resolvi fazer o que todas as mulheres fazem, afinal, achava que esse era o certo e ponto.

Felizmente com a idade também vem a maturidade e passamos a questionar mais as nossas decisões, foi então que aos 24 anos eu já estava cheia de varizes - mas com uma pele impecável, eu podia transar sem camisinha - mas sou neurótica e nunca dormia tranquila se isso acontecia, e todos esses pontos foram surgindo na minha mente, até que conheci o meu namorado atual, e com ele compartilhei o meu desejo de parar de me encher de hormônios, e como eu esperava, ele super me apoiou.
Para mim, não fazia mais sentido tomar a pílula apenas para evitar uma gravidez.

É tão simples! O homem só precisa usar preservativo! Não precisamos ser escravas do anticoncepcional!


Eu sei que muitas dirão que é horrível usar camisinha, mas não é mais horrível ainda o que estamos causando com o nosso corpo? Quantos ginecologista resolveram fazer exames mais a fundo para saber se você poderia realmente tomar anticoncepcional? Quantas amigas já tiveram trombose e também estão cheia de varizes? No meu círculo de amizades, várias.

Outras dirão que se pararem de tomar, o rosto vai encher de espinha, e bom, o meu realmente ficou muito mais oleoso e as espinhas aumentaram, mas eu, particularmente, prefiro trata-las do que mascara-las.

Sei também que tem namorados que odeiam usar camisinha, que acham horrível, vão tentar fazer sem -mesmo você explicando mil motivos por ter parado de tomar anticoncepcional. Eu sei, homens estão acostumados a não carregar essa responsabilidade, então se o seu namorado é um desses - além de repensar um relacionamento assim, talvez seja melhor esperar para tirar a pílula. Não queremos ninguém com uma gravidez indesejada.

Não acho que todas devem parar de tomar, acho apenas que devemos colocar na balança todos os pontos positivos e negativos, assim como nos questionar o porquê tomamos, se por exemplo o seu médico fez todos os exames necessários para que você tome a pílula com segurança. Apenas temos que nos questionar e ver se essa é a melhor decisão, e lembrar que tomar anticoncepcional não é a única opção.


7 comentários:

  1. parei de tomar pílula quando percebi que não sabia porque tomava.
    sempre usei camisinha de qualquer jeito porque meu único medo não é só engravidar e tenho bastante medo de dsts e fico preocupada.
    aí me lembrei que quando fiquei menstruada a primeira vez automaticamente passei a tomar isso. por que? usei quase 10 anos e quando parei foi como me libertar de um peso.
    minha pele não mudou muito, o que mudou foi a menstruação que ficou mais irregular, o que não me afeta em nada na verdade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, é tão automático para a mulher começar a tomar logo que fica menstruada, né? Só depois de anos, quando estamos com a cabeça formada é que vamos nos questionar o porque de várias coisas, e espero que mais mulheres parem e pensem o porque de estar tomando, e se fizer sentido, ok, mas se não fizer - como é o nosso caso, que pare de se encher de hormonios :)

      Excluir
  2. Adorei seu blog e seu jeitinho flor. Me identifiquei! rs Eu tenho 26 anos e estou nesse dilema: paro ou não paro? Com a pílula que estou tomando atualmente eu fico cheia de espinhas, inchei um pouco tbm, claro, pois tomo desde os 14 anos... MORRO de medo da trombose ou infertilidade por ficar tanto tempo tomando anticoncepcional... Vou ao ginecologista anualmente e graças a Deus está tudo bem, mas é como vc disse, eles fazem um exame mais A FUNDO? Não neh... E a trombose? Ela pode vir... E o meu remédio ainda é de uso contínuo, ou seja, eu não menstruo... Acho que é pior ainda... Olha, eu estou extremamente indecisa se continuo a tomar ou não... =/
    Fica com Deus flor! Beijão
    www.poderpink.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por um tempo eu também tomei o de uso contínuo =/ quando resolvi parar de tomar, fui ao médico e o informei da minha decisão, e como eu confio em mim mesma - referente ao uso de preservativo , então acho que foi a melhor decisão parar de tomar anticoncepcional. Simplesmente não fazia mais sentido, sabe? Quem sabe vc não vai ao médico e o informa sobre essa decisão? Agora vc já tem a sua opinião e vai saber o que questionar a ele :)
      Boa sorte ^^

      Excluir
  3. Vanessa Zardo29 maio, 2016 14:34

    Adorei Beth! Acho que tá faltando as pessoas compartilharem suas experiências, abrirem a cabeça pra novos meios de viver, e viver bem.. sem tanto hormônio, sem tanta indústria de remédios.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Siim. As vezes nos apresentam uma ideia e apenas seguimos, mas o certo é nos questionar e ler a respeito, e só então decidir o que fazer :)
      Beijos, bom te ver aqui.

      Excluir
  4. Oie!!!
    Coincidência ler isso neste momento, pois resolvi do nada, a uns 4 meses atrás, parar de tomar por conta própria, e realmente me sinto diferente, pra melhor é claro, não estou com espinhas nem nada, graças a Deus, mas me sinto muuuuuuito melhor, incrivel como ficamos tanto tempo dependendo de algo, tenho 35 e tomo desde os 15, ou seja, 20 anos, c.....; fui no ginecologista faz uns 20 dias, e falei com ele, tive a impressão que não gostou muito, por falar q já tinha parado, e q estou no momento procurando algo menos agressivo, e conversei sobre o DIU, mesmo assim ele ficou meio diferente com o assunto, resolvi q vou procurar outro profissional pra ter uma segunda opinião, de preferência do sexo feminino, que talvez entenda melhor a nossa situação; sobre a trombose, ele me disse que acontece logo no primeiro ano de uso pra quem já tem predisposição, se caso não aconteceu no prazo de até 2 anos, possivelmente nunca terá, mas mesmo assim vou verificar com outro médico;

    ResponderExcluir