7 de jun de 2013

Indo embora pela segunda vez.


É difícil começar esse texto, pois o assunto não está claro nem para mim mesma, mas resolvi tentar escrever, talvez assim seja um jeito de esclarecer certas coisas para mim também.
Eu tenho 23 anos!
Morei um ano na Holanda, onde aprendi muito sobre a vida, viajei muitos países, conheci pessoas que me acrescentaram muito e fui imensamente feliz, mas para isso, eu tive que trancar a faculdade por um ano.
Voltei! Voltei para a faculdade, trabalhos (chatos e mal pagos), para os amigos se formando e para o país que nunca fiz parte de verdade.
Isso resultou em crises e me fez sentir um peixe fora d´água. Eu sentia que o mundo estava acontecendo, e eu estava aqui...sentia que não estava fazendo parte do mundo.
Resolvi arrumar as minhas malas e explorar um país novo - Estados Unidos.
Para isso, tive que trancar a faculdade por mais um ano, ou seja, tive que adiar um sonho por mais um ano, acho que não foi só pelo fato de querer viajar, mas sim por ser tão difícil de entrar na área de trabalho aqui aonde eu moro, juntou os dois motivos e simplesmente resolvi seguir um outro sonho, o de viajar e aprender bem inglês.
Eu podia ter tentado o Ciências sem Fronteiras, mas na época eu estava indecisa com o curso, não sabia se queria Biologia ou Biomedicina, e o au pair acabou sendo a opção mais viável.
Agora eu já decidi que vou terminar o curso de Biomedicina- provavelmente em SP, quando eu voltar.
As vezes eu fico muito indecisa e questiono muito se estou fazendo a escolha certa de ir viajar mais um ano, eu sei, eu gosto muito disso, sei que posso ter experiências incríveis, mas ao menos tempo sinto que isso pode me atrapalhar de algum jeito. Espero que não, espero que eu consiga usar esse ano para aprender inglês e para amadurecer e então voltar pronta para terminar o meu curso e trabalhar, mas acho que eu só vou ter certeza da escolha que eu fiz, quando eu chegar lá, ou quando eu puder usar o meu inglês para algum trabalho no futuro.
Foi difícil trancar a faculdade de novo, mas eu não tinha emprego na área, e não sei conseguiria ter a opção de viajar na cabeça.
Foi difícil terminar o namoro nesse meio tempo, fiquei mais sensível e mais perdida ainda - ainda estou.
Logo que eu voltei da Holanda eu fiz tantos planos, e aconteceu tudo tão diferente, e não gosto quando as coisas saem do trilho (ou será que estão entrando nos trilhos?)
Acho que eu ainda não me achei no mundo.
Espero voltar com boas notícias lá dos EUA e dizer que fiz a escolha certa.



39 comentários:

  1. Boa sorte! Espero que seja a decisão certa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Milena!
      Vou fazer o possível para que seja a decisão certa :)

      Excluir
  2. Olha Beth, realmente essas decisões são difíceis e não tem muito como saber de antemão se estamos acertando ou não. Mas acho que toda experiência ´€ válida, se essa viagem agora não acrescentar na sua vida profissional com toda certeza vai acrescentar algo na sua vida pessoal! Desejo a você toda sorte do mundo e que possa encontrar seu caminho! Não é nada fácil eutambém tenho minhas dúvidas por aqui e a sensação se não estar vivendo a vida intensamente, me pergunto se as escolhas que fiz foram realmente as acertadas, acho que faz parte da vida se questionar essas coisas. Fique bem e se precisar estamos aí!!

    beijijnho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, infelizmente não podemos saber antes se estamos fazendo a escolha certa. " vivendo e aprendendo", pelo menos arriscamos, né? algo a vida está nos ensinando, tenho certeza.
      Obrigada e tudo de bom para você :)
      Nao podemos esquecer que cada pessoa tem o seu tempo, cada um vive de um jeito.

      Beijos. :)

      Excluir
  3. Beth, você vai continuar postando de lá né? Olha, sei que parece tudo uma loucura, já me senti assim. Mas pra você conseguir um emprego bom, que pague bem aqui no Brasil, nível superior já não está bastando ): na minha área mesmo, todo exigem inglês fluente. Eu agora, to morando com meu noivo. Queremos quando terminar a faculdade fazer um intercâmbio de um ano fora, porém sem que intercambio sai bem mais caro que au pair... Por isso perguntei se tinha algum post falando sobre. Em 2010 eu cogitei viajar, porém desisti... Mas ainda não tirei a ideia da cabeça.

    Acredito que assim como na Holanda, essa experiência nos EUA vai te ajudar muito, não só como profissional, mas como pessoa também... Quero que se possível, compartilhe tudo com a gente... E olha, fim de relacionamento é assim mesmo, mas você é nova, tem o mundo todo, a vida toda pela frente.

    Se cuida!
    Um beijo,
    Humble Opinion

    ResponderExcluir
  4. Eu acho que viajar é sempre a melhor opção, a cabeça volta ao lugar, apesar de tantas coisas que você teve que abrir mão para pode viajar né.
    Te desejo boa sorte, espero que de tudo certo, acho que você vai se dar muito bem nos EUA!
    Mas não vai abandonar o blog hein? HAHA
    ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, tomara que dê tudo certo mesmo. E viajar nos faz bem, isso tenho certeza. haha
      Nao vou abandonar o blog não :)

      Beijooos.

      Excluir
  5. Oi Beth, tudo bom? Venho acompanhando seu blog faz um tempo mas nunca postei aqui. Fui au pair nos EUA em 2011 e voltei em 2012. Ainda me sinto completamente perdida no Brasil. E isso tem feito com que eu pensasse muito em voltar para os EUA como au pair ou tentar uma aventura em um país como a Holanda. Ainda estou pensando no que vou fazer, mas queria te desejar boa sorte nessa nova jornada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada :)
      E boa sorte para você também, que consiga pensar direitinho o que fazer, mas quem sabe vc não tenta um país novo dessa vez? A Holanda é incrível.

      Beijos.

      Excluir
  6. Oi Beth!
    Olha, me identifiquei muito com seu post.
    Também tenho 23 anos, terminei minha faculdade aqui em Campinas no ano passado e em janeiro também planejo ir para os Estados Unidos.
    Atualmente estou trabalhando, mas não na minha área e sinto que para o que eu quero alcançar, este é o momento de pausar e me desenvolver pessoal e profissionalmente (no caso de aprimorar o inglês).
    Foi uma das escolhas mais difíceis que fiz, e espero que esteja correndo para o caminho certo.

    Desejo toda a sorte do mundo para você. E que você consiga aproveitar cada momento (tenho certeza que sim, pois andei lendo seu blog inteiro rsrsr).
    Quem sabe nos encontramos lá um dia. O mundo é realmente pequeno. :)

    Beijo e parabéns pelo blog!

    Mirella Pereira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O bom é que vc já está formada, pode até fazer algum curso na sua área lá nos EUA. Viver fora pelo menos um ano eu acho que é muuuito válido, e vai valer a pena vc ir sim.
      E que saibamos fazer essa, a escolha certa :) Depende muito de nós também.

      Beijos.
      e quando chegar nos EUA, me avisa ;)

      Excluir
    2. Oi Beth! Obrigada!
      Vai dar tudo certo! E aviso sim quando chegar lá!
      Beijos!!1

      Excluir
  7. Deve ser realmente péssimo, quando estamos precisando de um rumo. Já pensou fazer uma área em que você possa juntar as duas coisas? Viagem e o que você gosta!? Mas, é realmente complicado. :ç

    http://senhoritapriscila.blogspot.com
    Curti a fan page? (www)
    @priscilafrr,
    beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, eu gosto de Biomedicina, acho que posso me encontrar nessa area :) no futuro vou ter deixar as viagens para as férias. hahaha

      Beijos.

      Excluir
  8. Beth,

    Tem outra maneira de falar contigo que não seja pelo blog? rs se puder me adicione no facebook, prometo que não incomodo. facebook.com/vell.reis

    Um beijo :)

    ResponderExcluir
  9. Beth, vc é tão nova...ta fazendo a coisa certa!
    Eu fui au pair nos 45 do 2º tempo, com 25 anos. Terminei a faculdade e logo em seguida fui pra Holanda, mas se eu tivesse conhecimento desse intercambio antes, eu tbm teria trancado minha faculdade pra ir.
    Aproveite, e pense que vc está dando outra pausa na sua vida. Se vc nao ta certa sobre a faculdade, é melhor mesmo parar e pensar.
    Boa sorte e aproveite muuuuito!
    Beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, vai dar tudo certo.
      Eu gosto de Biomedicina, acho que ainda posso me encontrar nesse curso, por isso vou focar em me formar assim que eu voltar.
      Só mais um ano viajando e estudando inglês :)))

      Beijos, Ana, obrigada.

      Excluir
  10. Oi Beth! Gostei muito do seu post! Também tenho 23 anos e estou indo para França fazer mestrado (sou formada em Biomedicina!). É a primeira vez que fico tão longe de casa por tanto tempo -dois aninhos!
    Dá um aperto no coração, mas achei tão bonito o comentário que você fez: as vezes parece que as coisas estão fora do trilho -ou será que agora é que estão indo no rumo certo?
    Eu tenho acompanhado seu blog e acho que a gente não poderia estar escolhendo melhores caminhos!
    Bjo e boa sorte!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que legal, Leila!
      Vai dar tudo certo na Franca, tenho certeza que vc vai adorar a experiencia, e acho que todo mundo deveria fazer um intercâmbio, é um intensivo da vida também.
      E que esse seja o nosso caminho certo :)

      Beijos e obrigada.

      Excluir
  11. Olá!! encanta-me seu blog quisesse afiliarlo em meus sites e você enlaça ao mio, se aceita me responde com uma mensagem a emitacat@gmail.com
    beijos!!

    Emilia

    ResponderExcluir
  12. Eu acho que somos jovens. A gente acaba por acreditar que tudo tem que ficar dentro de caixinhas...como se fosse errado sair delas. Adoro essa música que Nara Leão traduziu e ela fala bem disso. http://letras.mus.br/nara-leao/1095166/ O vídeo é esse: http://www.youtube.com/watch?v=2_2lGkEU4Xs

    Viaje, aproveite, se for para voltar, volte, e faça o que acha que melhor lhe convém aqui. :) é sempre bom refletir sobre a profissão que se quer e o que se quer, mas sempre veja o que faz bem para vc. Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei a música, disse tudo! Obrigada por compartilhar.

      Vou aproveitar esse ano sim, decidido: :) depois volto e termino os outros planos que deixei em aberto.

      Excluir
  13. Nossa! Sei bem o q vc sentiu! Eu sofri qd voltei pro Brasil! E antes de vir pela primeira vez como Au Pair eu tranquei minja faculdade de Direito. Na epoca tinha 19 anos! Fiqueo mtooo chateada por estat adiando um sonjo, mas viajar era outro presente que eu estava dando a minha vida! Eu vim como Au Pair, me apaixonei, me encantei... E devido a isso, foi mto dificil se readaptar com as dificuldades do nosso pais (salarios mal pagos, poucas oportunidades) eu amo Direito de paixao! Mas esse curso me manteria somente no Brasil! Nao poderia estudar fora e nem trabalhar fora! Eu decidi voltar neh haha Eu, com certeza, acho que no Brasil tem oportunidades, mas so a graduacao ja eh pouco! Acho q precisa de um pouco mais! Mesmo q uma graduacao fora!
    Vc ja pensou nisso? Pq nao leva seu historico, e se td der certo, se as coisas andarem p esse lado, pq nao transfere pra terminar a facul la. Apos o au pair vc pode mudar seu status aqui mesmo nos EUA. Eu fiz assim! Mas o Direito esta escondidinho na minha cabeca! Pq nao da pra fazer aqui!
    Hoje vejo meus amigos q comecaram a facul cmg se formando, e isso me balança, logico! Mas todo esse tempo viajando nao foi perdido! A gente cresce mto!!!! Aprende demais!!! E se um dia eu voltar pro Brasil, sei que meu curriculo sera outro. Dica: nao estude so ingles eqto for au pair. Faça outros cursos profissionalizantes tbm!!!
    Bjooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jéssica.

      As vezes é difícil deixar um sonho e seguir outro, mas temos que seguir em frente, tem alguns que podem esperar um pouquinho mais.

      Pois é, já pensei em terminar a faculdade aí, mas não sei se é tao simples transferir um curso, e eu faco Biomedicina, e bom...ainda preciso ver se vou gostar dos EUA né? Mas vou dar uma pesquisada sobre a minha aerea aí, obrigada :)

      Vejo muuuitos amigos se formando já tbm, mas sabe....cada um tem o seu tempo, não temos que seguir aquela coisa certinha! (ainda bem!), e nós já viajamos tanto, aprendemos tanto, tivemos um intensivo da vida, com certeza não foi tempo perdido :)

      Beijos e obrigada pelo comentário.

      Excluir
  14. Nossa, que situação :/
    Eu tenho apenas 17 anos e penso MUITO, muito MESMO no meu futuro. As vezes fico fazendo tantos planos e me dá um certo medo de não fazer com que as coisas aconteçam como o planejado! Isso é ruim, mas ao mesmo tempo bom porque estou querendo ser alguém na vida.
    Gosto de acompanhar seu blog e o comentário de suas leitoras, com isso eu consigo "organizar" minhas ideias!
    Torço para que tudo dê certo para você e que você esteja no caminho certo!

    Beijos! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É sempre difícil tomar decisões ou seguir a nossa vida como planejamos, as vezes a vida vai te levando levando...mas foque no que vc quer, vai dar certo sim :)

      Beijos e obrigada pelo comentário.

      Excluir
  15. É como estar numa guerra, no meio de um bombardeio. Você tem que fazer algo pra tentar sobreviver. Não sabe se entra em algum buraco. Ou se sai atirando pra todo lado. Pergunta pro comandante. Etc. Pelo menos você está enfrentando a batalha e não se entregando aos inimigos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Gerson! É melhor entrar na batalha, e alguma hora dessas eu me acho por ai....

      Obrigada pelo comentário.

      Excluir
  16. Sempre vejo seu blog, to aqui, pedindo carinho no comentários dos outros mais uma vez kkkkkk
    Eu também to numa fase difícil e sempre quis ser au pair, decidi que agora era a hora!
    To indo pra Holanda em setembro, correndo atrás de tudo sozinha, sem apoio de ninguém... Tenho um blog onde eu escrevo sobre mim e sobre a viagem, se puder passa ali ;)
    http://avidadeumaaupair.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fique a vontade, as pessoas aqui sempre dão uma baita forca, é ótimo ler os comentários.

      Boa sorte na Holanda, tenho certeza que será muito feliz lá :)))
      Beijos.

      Excluir
  17. As coisas nem sempre acontecem como planejamos, sonhamos. As vezes nossas vidas tomam rumos inesperados que as vezes é mto melhor do que sonhamos, do que queremos.
    As coisas simplesmente acontecem. Nem sempre no nosso tempo.
    O que tiver que ser, será.
    Podemos dar um empurrãozinho, claro que sim, mas a vida acaba nos mostrando tannntas alternativas.

    SE PERMITA!! Vc vai longe e nao importa onde.
    Seja aqui em Nh, SP, USA...
    Vc é linda, inteligente e vai conquistar muitas coisas boas ainda.


    nao esqueça: SE PERMITA! Deixa a vida te levar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou deixar sim :) Obrigada pelo comentário.

      Beijooos.

      Excluir
  18. Beth,

    por coincidência ou não, sempre venho aqui no momento certo ou que acho que tenho algo a dizer, ainda mais quando o post é assim, tão pessoal e que me põe pra pensar. O que eu digo pra você agora, além do "a vida é isto mesmo, toca pra frente, vai dar tudo certo"? Se às vezes também fico tão na dúvida dessas mesmas palavras que eu sou capaz de dizer aos outros, e nem sempre pra mim mesma. Engraçado como é mais fácil "aconselhar" ou dar pitaco quando está "doendo" na outra pessoa. Eu me ponho no seu lugar, portanto, pra tentar compreender essa confusão e talvez te incentivar, porque acho que é isso que de longe nós podemos fazer. Essa sensação é esquisita, mas, acredite ou não, eu compartilho. É a história do estar no mundo com algum propósito. Porque chega uma hora que a gente realmente pára tudo e se pergunta se o curso é realmente tudo que se quis, se vale a pena viajar e jogar tudo pro alto... olha, tu já teve uma experiência de intercâmbio antes e sabe bem quais são as dores e as delícias de morar fora. Não vai mudar muito agora, só o que conta mais é a sua vontade. A gente não toma essa decisão da noite pro dia - ao menos, eu acho que não - então tenha certeza de que tu está no caminho certo. Pior que a gente ficar parada reclamando é não fazer nada para mudar a situação. Você pode estar confusa, se sentindo perdida, querendo se encontrar - aqueles clichês que fazem todo o sentido - mas ao mesmo tempo isso te move, não te faz parar. Suas dúvidas, de alguma forma, te levam a algum lugar (rimei sem querer querendo). Admiro muito quem é capaz de sair da sua zona de conforto, com incertezas, e correr, ainda que não se saiba bem onde se quer chegar. Possivelmente descobriremos a razão no meio do caminho :)

    Com esse monte de filosofia barata e de boteco o que quero realmente dizer é: seja feliz! Mergulhe nessa nova fase da sua vida e o que ficou pra trás... deixe lá. Nostalgia não vale nessas horas!

    Um grande beijo, e, como diriam os portugueses: força! :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre com as palavras certas.
      Me fez um bem imenso ler tudo isso. A vida é assim mesmo, né? As vezes estamos no caminho certo, mas nos questionamos tanto, o tempo todo. Parece que temos a obrigação de estar sempre no caminho certo e acho que isso acaba nos pressionando e dando um nó em nós.
      Vou me esforçar para ser feliz nos EUA e voltar com forcas para seguir em frente...e uma hora dessa eu me acho por aí, tenho certeza. :)

      Obrigada pelo comentário, logo volto com boas notícias :)
      Beijos, Paty.

      Excluir
  19. Beth, que bom q se decidiu em vir pra cá! Vc ainda é super nova e é normal ter esse tipo de indecisões.. O Au Pair só irá acrescentar... vc vai amar! Olha, realmente, fiquei assustada com meu pequeno jogando as coisas e quebrando a casa! No video ele queria q eu ligasse pra mae, mas quebrou o telefone haha Ele recebeu um time out... mas meia hora depois já estava brincando again! Ufa... haha Beijinhosss

    ResponderExcluir
  20. Beth, eu sei exatamente o que você está sentindo. Eu tive o mesmo sentimento depois de ter feito intercâmbio pela primeira vez. Eu acho que você fez certo, acho que você deve seguir seu coração! Infelizmente não podemos ter tudo ao mesmo tempo, né, você teve que terminar um relacionamento, trancar a faculdade, mas se é pra conquistar o seu sonho de viajar de novo vai valer a pena.

    Eu estou torcendo muito aqui por você! E falta tão pouquinho! Como estão os preparativos? beijos

    ResponderExcluir
  21. Oie Beth, mudancas sao sempre dificeis e causam um medinho danado. Mas, seja forte que vai dar tudo certo, vc vai ver!

    Vim retribuir a visita e ja estou seguindo. Seja bem vinda aqui la no meu bloguito flor.

    bjiimm e otima quarta-feira

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.ie/

    http://www.lencos-e-aderecos.com/

    ResponderExcluir